Santa Rita de Cássia-Bahia

Santa-Rita-de-Cassia-Bahia.jpg

Santa Rita de Cássia é um município brasileiro do estado da Bahia. Com uma população de 26.761 habitantes segundo o Censo do IBGE em 2010, o município é cortado no sentido oeste-leste pelo rio Preto, sub-afluente do rio São Francisco. Santa Rita está localizada a 1.006 km da capital baiana, Salvador e a 168 km de Barreiras, principal cidade do oeste baiano.

Santa-Rita-de-Cassia.png

História

Não é possível determinar em que ano exatamente Santa Rita de Cássia foi fundada, uma vez que não existem registros dos primeiros habitantes. Tudo o que se sabe é que a história das primeiras comunidades presentes no oeste da Bahia remonta às primeiras décadas do século XVII.

O fator mais importante para a penetração das primeiras levas de migrantes na região, na qual hoje pertence ao território de Santa Rita de Cássia-BA, foi o gado. Os grandes rebanhos vindos do litoral iam avançando em direção às terras inexploradas, banhadas por pequenos rios de águas claras, córregos e regatos.

No decorrer dessa trajetória os colonos enfrentaram dificuldades e constantes combates com os índios e aos poucos foram tomando posse das terras situadas à margem esquerda do rio São Francisco, estabelecendo núcleos de criação de gado, engenhos de cana-de-açúcar e agricultura em geral. Em meados do ano de 1600, os colonos chegaram ao rio Grande através de sua confluência com o rio São Francisco.

O primeiro afluente do rio Grande que encontraram foi o rio Preto, através do qual chegaram à área aonde viria a ser fundada a Vila de Santa Rita; acredita-se que isso tenha ocorrido por volta de 1610.

O Crescimento do arraial

As informações sobre o crescimento da Vila de Santa Rita é considerada uma tradição lendária, uma vez que não existem provas documentais de que em meados do século XVII tenha chegado ao Arraial de Santa Rita do Rio Preto um misterioso casal de portugueses, que se instalou nas imediações da Igreja Velha, então rua do Espírito Santo (atual avenida Professor Elpídio Santana).

Segundo a crença popular, eles permaneceram aproximadamente dez anos na região e após esse período, sem maiores explicações, esse casal não identificado simplesmente partiu dali para lugar ignorado, deixando, por esquecimento talvez, uma imagem de Santa Rita de Cássia no casebre onde morou.

Existem versões no tradicional conceito do povo local, que afirmam que o tal casal tenha sido morto pelos índios que habitavam à região; outras versões contam que eles foram devorados por animais selvagens. Há também quem acredite piamente que esse casal foi enviado por Deus com a missão de conduzir a imagem de Santa Rita de Cássia (ou Santa Rita dos Impossíveis) para as margens do rio Preto e depositá-la anonimamente no local, daí o porquê do seu desaparecimento, descartando assim as versões atribuídas aos índios e aos animais selvagens.

O fato é que a imagem da santa foi realmente encontrada no casebre pelos novos colonos que ali chegaram; entretanto, não foi encontrado qualquer vestígio de luta ou cadáveres nas imediações. Naturalmente, o anônimo casal, cumprindo sua missão, tenha regressado ao seu lugar de origem sem ser identificado, sem sofrer qualquer ameaça ou agressão, “sob a proteção da santa”.

Site oficial da cidade