Salinas da Margarida-Bahia

Salinas-da-Margarida-Bahia.jpg

Salinas da Margarida é um município brasileiro do estado da Bahia. Sua população estimada em 2017 era de 15.772 habitantes.

Localiza-se no sul do Recôncavo baiano distando de Salvador cerca de 270 km. Tem como municípios limítrofes Saubara, Maragojipe, Jaguaripe e incluindo o limite marítimo a ilha de Itaparica com os municípios de Itaparica e Vera Cruz.

Salinas-da-Margarida.png

História

A história de Salinas da Margarida se faz intrigante a partir da origem do nome dado ao município. O nome tem sua história contada de várias formas, que se desmembram em lendas que são passadas até os dias de hoje de geração para geração. Umas delas é justamente de onde vem o nome Margarida que tem uma versão romântica, a qual fora cogitado a ideia de uma homenagem do Comendador Manoel de Souza Campos à sua esposa, que supostamente chamava-se Margarida. Porém esta história a qual seria uma homenagem a um membro da família do então citado Comendador Souza Campos não passa de uma lenda que é confirmada através dos dados históricos identificados através de biografias.

O Comendador Campos, Manoel de Souza Campos, nascido no estado de Sergipe em 25 de dezembro de 1838, passou a residir na capital baiana a partir dos seus quatorze anos. Ao longo dos anos, empregou-se como caixeiro no escritório do negociante Vicente do Amaral e tempos depois montou seu próprio negócio e paulatinamente foi alcançando às culminâncias da vida comercial. Casou-se com D. Guilhermina Gomes Marelim, tendo o casal três filhos: Leonor de Campos Devoto, Manoel de Souza Campos Filho e Porcina Campos. Diante deste fica perceptível que a versão romântica dada ao nome do município é meramente fantasiosa não correspondendo a nenhuma homenagem do Comendador à esposa, ou mesmo à família, não tendo algum fundamento.

Inconformado com o atraso de sua terra natal, Salinas da Margarida, o então distrito de Itaparica, o Sr. Manoel Dias de Albuquerque, conhecido como tenente Iozinho, trabalhou junto ao deputado, Padre Luís Palmeira, seu amigo desde Vitória da Conquista, e conseguiu aprovar o projeto de lei que emancipava Salinas, desmembrando-o de Itaparica, mesmo contra a vontade de alguns políticos locais da época. Em 27 de julho de 1962, foi aprovado o projeto, sendo as eleições realizadas em outubro e o início do município com instalação da câmera de vereadores – poder legislativo – ocorreu em 7 de abril de 1963. Daí a discussão qual a data a ser comemorado o aniversário do município: quando foi “gerado” ou quando verdadeiramente ele “nasceu”?

Geografia

O município fora criado em 27 de julho de 1962 e possuía os seguintes limites: ao norte, município de Santo Amaro e Baía de Todos os Santos; ao sul, municípios de Jaguaripe e Itaparica; a leste, município de Itaparica; a oeste, município de Maragojipe.

Com as modificações ocorridas no mapa geográfico do estado em virtude da criação de novas unidades políticas, os atuais limites são: ao norte município de Saubara (parte desmembrada município de Santo Amaro) e a Baía de Todos os Santos; ao sul, municípios de Jaguaripe e Vera Cruz (parte desmembrada do município de Itaparica); a leste, município de Itaparica; a oeste, município de Maragojipe.

Salinas dista de Salvador, por acesso rodoviário direto 265 km e utilizando o sistema ferry-boat, faz o percurso rodoviário de 52 km até o Terminal de Bom Despacho, localizado na Ilha de Itaparica, e daí mais 13 km de travessia oceânica, até Salvador, dando um total de 69 km. Por via marítima direta o percurso é feito em 11 milhas.

O município de Salinas da Margarida é banhado pelas águas da Baía de Todos os Santos e está localizado entre a latitude12º52’16” sul e longitude 38º45’52” oeste abrangendo segundos dados do IBGE, uma área de 148,33 km² tendo em área continental de 65 km². Possui um clima de úmido a subsumido tendo em sua biodiversidade uma caracterização de floresta ombrófila densa contando com um importante e frágil ecossistema fluviano-marinho identificado como manguezal preenchendo grande parcela da costa municipal.

Outro aspecto de observação é a diversidade de paisagens produzidas pela geomorfologia traduzindo-se em baixada litorânea, planícies marinhas, fluviomarinhos e tabuleiro do recôncavo.

Com uma área de 65 km², Salinas é compreendida pelos distritos de Dendê (Porto da Telha), Encarnação, Conceição de Salinas, Cairu e povoado de Barra do Paraguaçu. Os distritos de Mutá e Cações apesar de próximos da sede do município de Salinas, não pertencem ao mesmo, fazendo parte do município de Jaguaribe.

Praias

  • Praia de Barra do Paraguaçu
  • Praia de Porto da Telha
  • Praia de Ponta do Dourado
  • Praia de Cairu
  • Praia de Conceição
  • Praia de Encarnação
  • Praia de Pedra Mole
  • Praia do Camboruí
  • Praia do Amor

Site oficial da cidade