Lajedo do Tabocal-Bahia

Lajedo-do-Tabocal-Bahia.jpg

Lajedo do Tabocal é um município brasileiro do estado da Bahia, Sua população estimada em 2010 era de 8.105 habitantes.

Lajedo do Tabocal distante aproximadamente 365 km da capital, no sudoeste da Bahia, é conhecido por possuir um clima dos mais frios da Bahia. Em dias de frio a temperatura chega a 12º C. O município fica a 890 m do nível do mar, por isso faz calor durante o dia e frio durante a noite.

A denominação de Lajedo do Tabocal se deve a existência da grande quantidade de Tabocas (bambu) nas proximidades de um lajedo.

Lajedo-do-Tabocal.png

História

A comunidade surgiu por volta de 1900, devido a concentração de famílias atraídas pela fertilidade do solo e disponibilidade de terras. Inicialmente denominado de Lajedo de José Anacleto, depois de Manoel Grande e posteriormente Lajedo do Tabocal.

Durante a fase inicial de exploração agrícola, houve conflitos de terras, solucionados em 1922 através do programa de distribuição de terras. A boa adaptabilidade do solo na plantação de café, fumo, mandioca e feijão; contribuiu consideravelmente para a fixação das famílias na região.

Como área de influência, tem os povoados do Peixe, Morro das Rosas e concentração de mini e pequenos produtores na Fazenda Nova, Santana, Angico, Caboclo, São Pedro e Figueiredo. A comunidade vive em função da lavoura cafeeira no que tange à tratos culturais, colheitas e etc.

Na área de influência apresenta diversificação na exploração agropecuária sendo inclusive, parte integrante do Projeto Jaguaquara, recém criado e já em fase inicial de implantação.

Interligado a BR 116 por estrada de pavimentação asfáltica, importante no escoamento da produção e no fluxo de pessoas, ainda apresenta deficiência na infra- estrutura econômica e social.

A comunidade, apesar de ser unida, não participava de atividade comunitária conjunta, só após o movimento em prol da emancipação política vem despertando interesse. Certificando-se de que a unidade poderá gerar-lhe melhores condições, Adalício Almeida da Silva, Reivaldo Moreira Fagundes e comunidade ingressaram na luta pela emancipação em 1985, quando surgiu a comissão pré-emancipação política de Lajedo do Tabocal, formando plebiscito pela emancipação em 13 de junho de 1989. O governador em exercício sancionou a Lei nº 5504, que transformou Lajedo do Tabocal em município, constituído apenas pelo distrito sede de mesmo nome.

Lajedo do Tabocal teve nomes que ficaram na “História”. Pessoas com altas qualidades e distintas personalidades ficaram conhecidas, Alvaro Fagundes, principal fundador do Município, Reivaldo fagundes, O vereador Nô Sena, Maria Augusta, “Didi Brandão”, Iara Rocha, Marilene Almeida, e Mariângela Borges Dentre outras peças Fundamentais para a construção de Lajedo. Todos com um mesmo objetivo, transformar lajedo em cidade de primeiro mundo, trazendo melhorias e melhor expectativa de vida.

Site oficial da cidade