Ipecaetá-Bahia

Ipecaeta-Bahia.jpg

Ipecaetá é um município brasileiro do estado da Bahia localizado na Área de Expansão Metropolitana de Feira de Santana. Sua população estimada é de 15.753 habitantes.

Ipecaetá tem 395,4 km² de área e densidade demográfica de 45,45 hab/km².

Ipecaeta.png

História

Terra simples e bastante fértil, habitada por indígenas da tripo Ipecas, ramificados dos Paiaiás. A colonização portuguesa na região iniciou-se por volta de 1655, quando o Sr. João Peixoto Viegas recebeu a carta de Sesmaria, que ficou conhecida como: “Morgadio da Casa de São José das Itapororoca”, com este documento dava-lhe permissão para explorar as terras entre os rios Paraguaçu, Jacuípe e suas nascentes.

Em 1889, o comerciante Antônio Luís de Cerqueira descobriu uma lagoa rasa cheia de patos silvestres, onde nas imediações instalou-se com uma quitandinha, que passou a ser ponto de roncharia para tropeiros, boiadeiros, vaqueiros e outros viajantes. Com o passar dos anos o comércio desenvolveu-se dando origem a Vila de Patos, mais tarde o seu topônimo foi modificado para Ipecaetá, palavra de origem tupi, que se divide e recebe os significados:

Ipeca – Forma abreviada de ipecacuonha (Patos). Relativo aos Ipecas, aldeamento de índios desta nação.

Etá – Árvore frutífera, espécie de oiti, que exprime pluralidade ou excesso.

Caetá – Pertencente aos Cetís, espécie de bananeira do mato ou espinhoso.

Em 1933, criou-se o Distrito de Paz de Patos pelo decreto estadual 8389.

Em 1943, criou-se o Distrito de Paz de Ipecaetá pelo decreto 141, subordinado ao município de Santo Estevão.

Em 1962, criou-se o município de Ipecaetá pela Lei 1726.

Site oficial da cidade