Capela do Alto Alegre-Bahia

Capela-do-Alto-Alegre-Bahia.jpg

Capela do Alto Alegre é um município brasileiro do estado da Bahia. Localizado na Mesorregião do Nordeste Baiano e na Microrregião de Serrinha. Sua população segundo o IBGE em 2013 era de 12.128 habitantes.

Capela-do-Alto-Alegre.png

História

O município tem suas origens na “Fazenda Desabafo”, que se localiza na parte mais alta da mesma. Seu topônimo originou-se da junção de três elementos distintos: Capela por ter como marco de sua fundação a primeira missa realizada em uma pequena capela improvisada; do Alto, porque estava situada no ponto mais alto da Fazenda Desabafo. E Alegre, pelo fato de sua gente expressar atitudes de extrema alegria.

Em decorrência desse fato e da forte discriminação sofrida, a cidade hoje possui dois cemitérios, um para os protestantes e outro para os católicos. Convém lembrar que nos dias atuais católicos e evangélicos vivem harmonicamente nesta sociedade uma prova disso é que já existe católicos enterrados no cemitério protestante.

A fundação da cidade de Capela do Alto Alegre ocorreu aos 17 de abril de 1912, tendo como seu marco de fundação a primeira missa rezada pelo padre Manoel Maria, Pároco de Mairi. Tendo como protagonistas da história da cidade, o Sr. Joaquim Machado, sua esposa, Rosalina Gomes e seu filho adotivo Cornélio Rodrigues dos Santos.

Geografia

O município de Capela do Alto Alegre fica situado na Zona Fisiográfica de Feira de Santana. A sua sede municipal possui uma altitude de 412m, o ponto mais alto é de 489m e o ponto mais baixo é de 283m.

O município de Capela do Alto Alegre possui topografia ondulada, suave; possui solos Pdzôlico, Solódicos, Eutróficos e Solos Litólicos, com topografia suave e ondulada suave.

Clima

Semi-árido com temperatura que varia de 20 a 34 °C., precipitação pluviométrica anual média de 653 mm. Período chuvoso bastante irregular, maior incidência nos meses de abril a junho e novembro a janeiro. De acordo com a classificação de e.e.u. Koeppen classifica-se como BSW “h”.

Vegetação

A vegetação natural é de Caatinga, onde dominam os bioclimas de Graussen 46 th. (tropical quente de seca média). Caatinga hipoxerófila. Vegetação com formação caducifólia de porte variável, arbustivo ou aróico-arbustivo, de caráter xerófilo. Apresenta grande quantidade de plantas espinhosas, cactáceos e bromeliáceas, principalmente.

Recursos Hídricos

Localiza-se na Bacia Hidrográfica do Paraguaçu, especificamente na Bacia Hidrográfica do Rio Jacuípe. O município é cortado pela Adutora de Sisal, originária na Barragem do São José do Jacuípe. A adutora possui “pontos de água” de 3 em 3 km com possibilidade de utilização suficiente para a região e município.

Relevo

Topografia ondulada, permitindo mecanização com práticas conservacionistas e parte de topografias, relevo forte-ondulado.

O Açude

Foi construído no ano de 1954, tendo como principal responsável o padre Urbano de Conceição do Coité. No início de sua construção servia para abastecer a cidade, hoje após a chegada da água canalizada, tornou-se um depósito de esgoto e lixo.

Site oficial da cidade