Barra da Estiva-Bahia

Barra-da-Estiva-Bahia.jpg

Barra da Estiva é um município brasileiro do estado da Bahia. Sua população estimada em 2012 era de 35.000 habitantes.

Barra-da-Estiva.png

História

Nos fins do século XVIII o sertanista Sebastião da Rocha Pinto tomou posse de uma porção de terras, nas margens do rio das contas, denominando-as Brejo Grande e Fazenda Carneiro, cujos limites abrangiam extensa parte do atual município da Barra da Estiva. Logo após delimitar suas terras, Sebastião da Rocha Pinto faleceu.

Manuel Saldanha da Gama Guedes de Brito, Conde da Ponte, possuidor da imensa sesmaria da Casa de Ponte, reclamou dos herdeiros de Sebastião da Rocha Pinto o direito às terras já delimitadas, forçando-os a lhe comprarem o domínio das citadas fazendas.

Em 1880 começa a surgir as primeiras moradias.

A freguesia foi criada pela Resolução Provincial nº 1.606, de 8 de junho de 1876. Presume-se tenha sido seu primeiro vigário o padre Antônio de Pádua Folha.

O distrito foi criado pela Resolução Provincial nº 2.443, de 9 de maio de 1884, e o município, com sede na povoação da Fazenda do Gado e a denominação de Jussiape, pelo Ato de 26 de outubro de 1890, tendo sido seu território desmembrado do município de Brejo Grande, que mais tarde passou a denominar-se Ituaçu. O seu funcionamento começou em 20 de maio de 1898.

O Conselho Municipal de Jussiape promulgou uma lei mudando para o povoado de Barra da Estiva a sede do Município, sendo, porém, revogada pela Lei Estadual nº 351, de 29 de maio de 1900.

A lei Estadual nº 726, de 1º de maio de 1909, criou na povoação da Barra da Estiva um distrito de paz, figurando o município, em 1911, com os distritos de Jussiape, Sincorá e Barra da Estiva.

Por força da Lei Estadual nº 1.409, de 29 de junho de 1920, a sede municipal foi transferida para o povoado de Barra da Estiva, denominação que se estendeu ao município.

Em virtude da Lei Estadual nº 1.521, de 13 de agosto de 1921, a sede municipal voltou-o a localizar-se em Jussiape, retornando para Barra da Estiva em face da de número 1.985, de 15 de junho de 1927, que também elevou à categoria de Cidade.

Site oficial da cidade