10 Cidades mais tecnológicas do mundo

10-Cidades-mais-tecnologicas-do-mundo.jpg

Confira quais são as Cidades mais tecnológicas do mundo. Uma pesquisa desenvolvida pela Savills e divulgada recentemente pelo World Economic Fórum apontou as principais cidades do mundo quando o assunto é tecnologia.

Cidades mais tecnológicas do mundo

1-Nova York

1-Nova-York.jpg

Com uma gama diversificada de talentos dos setores financeiros e do varejo para apoiar a sua oferta tecnológica, a Big Apple ocupa o topo de lista. Por lá, o que não faltam são oportunidades: universidades de renome mundial, uma cultura de negócios que torna a cidade atraente para empresas multinacionais e uma diversa população sempre pronta para experimentar as novidades mais quentes do momento.

2-São Francisco

2-Sao-Francisco-city.jpg

Twitter, AirBnb e Uber são apenas uma fração das histórias de sucesso que nasceram em São Francisco. Uma ampla variedade de talentos e um rico ecossistema de negócios fazem da cidade um hub de start ups. Isso sem contar a população jovem e as altas credenciais de educação, com algumas das principais escolas de tecnologia do mundo, atraindo cada vez mais talentos para a região.

3-Londres 

3-Londres.jpg

Excelentes universidades, um dos principais aeroportos da Europa e o fato de ser uma potência financeira global consolidaram a Terra da Rainha como uma das cidades mais tecnológicas do mundo. Não por acaso, é o lar de inúmeras fintechs disruptivas que têm dominado o mercado, como a TransferWise e o Funding Circle.

4-Amsterdam

4-Amsterdam.jpg

Capital boêmia e criativa, Amsterdam também é o lar de uma próspera cena tecnológica. Atrativa também para o turismo, a cidade ainda tem a vantagem de contar com uma população bilíngue (cerca de 90% falam inglês e holandês), além de ser uma das cidades mais amigáveis do mundo – e um ótimo destino para explorar a pé.

5-Boston

5-Boston.jpg

A Costa Leste pode não ser tão conhecida quando a Costa Oeste dos Estados Unidos, mas quando o assunto é tecnologia a região tem muito a oferecer. Embora a indústria farmacêutica e a biotecnologia tradicionalmente sejam os principais expoentes tecnológicos de Massachusetts, cada dia que passa a região recebe mais investimentos nas áreas digital, de games e turismo.

6-Cingapura 

6-Cingapura.jpg

Cingapura está se tornando rapidamente líder mundial em Big Data – especialmente depois que o governo instalou sensores em toda a cidade, coletando informações sobre tudo, dos movimentos de tráfego até o comportamento da população. O formidável setor financeiro da cidade e a cultura voltada para os negócios contribuem para a reputação de Cingapura como cidade tecnológica, sem contar a sua enorme contribuição para a indústria de carros elétricos.

7-Los Angeles

7-Los-Angeles.jpg

Conhecida como polo de celebridades, Los Angeles é também um destino interessante para quem deseja investir em tecnologia. Com um dos principais aeroportos dos EUA e custo de vida competitivo, a região tem chamado a atenção de empresas de tecnologia como a Space X, que trocaram São Francisco por L.A. Líder na produção de veículos autônomos, a cidade tem aumentado exponencialmente sua cultura de start ups e inovação, desenvolvendo uma infraestrutura digital sensacional para quem quer se manter conectado.

8-Austin   

8-Austin.jpg

Lar de empresas como IBM, Dell e AMD, Austin tem sido importantíssima para o mundo da tecnologia. Impostos mais baixos, imóveis com preços acessíveis e uma forte cultura empreendedora fazem da capital texana um lugar próspero e inovador, onde, graças a Universidade do Texas, estão alguns dos maiores talentos do mundo.

9-Estocolmo

9-Estocolmo.jpg

Estocolmo é famosa por sua incrível capacidade de produzir ‘unicórnios’ de bilhões de dólares – Spotify e TrueCaller são apenas alguns exemplos. Além de ser uma cidade com alta qualidade de vida, também é extremamente favorável aos ciclistas e, graças ao seu tamanho compacto, a capacidade de locomoção é muito alta em Estocolmo, o que significa um ambiente perfeito para quem quer trabalhar com tecnologia e manter um ritmo de vida menos frenético.

10-Copenhague

10-Copenhague.jpg

O gigante takeaway online Just Eat é apenas uma das empresas que têm suas raízes em um porão dinamarquês. A cidade está entre as melhores ranqueadas quando o assunto é qualidade de vida e mobilidade urbana. O conceito de ‘hygge’, a maneira dinamarquesa de tornar a vida cotidiana extraordinária, resume o porque inúmeras start ups estão escolhendo a cidade para desenvolver as suas ideias.