10 Cidades mais pobres da Bahia

10-Cidades-mais-pobres-da-Bahia.jpg

Confira as cidades mais pobres da Bahia. Apenas 10 municípios (2,4% do total de 417) atingiram mais de metade (52,4%) do PIB (Produto Interno Bruto) de toda a Bahia, em 2016, estimado em R$ 258,6 bilhões naquele ano. No outro extremo, com os 50% de municípios baianos com os menores PIB (208 cidades), têm somente 7,3% de toda a renda gerada no estado.

Esses indicadores mostram a grande concentração da economia baiana, embora num patamar ainda abaixo da brasileira. No país como um todo, 66 municípios (1,2% dos 5.570) respondiam por metade do PIB (50,2%) em 2018, enquanto os 50% de municípios com os menores PIBs (2.785) detinham somente 3,7% da renda gerada no país.

Além de ser concentrado, não houve, ao longo do período de 2002 a 2016, muitas alterações nos extremos do ranking do PIB dos municípios baianos.

Os resultados do PIB dos Municípios 2018 foram divulgados nesta sexta-feira (14) pelo IBGE, que trabalhou em parceria com os órgãos de estatística, as secretarias estaduais de Governo e a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). O levantamento traz o PIB a preços correntes, os valores adicionados pelos grandes setores de atividade econômica (agropecuária, indústria, serviços e administração pública) e o PIB per capita para todos os 5.570 municípios do país.

Cidades mais pobres da Bahia

10-Macururé – 43 mil

Macurure-Bahia.png

9-Ichu – 43 mil

Ichu-Bahia.jpg

8-Aiquara – 41 mil

Aiquara-Bahia.jpg

7-Pedrão – 40 mil

Pedrao-Bahia.jpg

6-Gavião – 38 mil

Gaviao-Bahia.jpg

5-Lafaiete Coutinho – 37 mil

Lafaiete-Coutinho-Bahia.jpg

4-Cravolândia – 37 mil

Cravolandia-Bahia.jpg

3-Contendas do Sincorá – 36 mil

Contendas-do-Sincora-Bahia.jpg

2-Dom Macedo Costa – 32 mil

Dom-Macedo-Costa-Bahia.jpg

1-Ibiquera – 27 mil

Ibiquera-Bahia.jpg